Saiu o edital TRE-TO. Banca Cespe.

Saiu o edital TRE-TO. Banca Cespe. Vagas para analista e técnico judiciário.

Saiu o edital do TRE-TO. O Tribunal Regional Eleitoral do Estado divulgou na edição de hoje,18, do Diário Oficial da União, o edital do concurso TRE-TO para abertura de concurso público para o provimento de cargos para técnicos e analistas. De acordo com o edital estão sendo ofertadas 10 vagas imediatas, além da formação de cadastro de reserva. Veja aqui a publicação oficial no DOU.

Das vagas do concurso TRE-TO

Técnico Judiciário – Área: Administrativa

 Entre os cargos de nível médio consta o de técnico judiciário- área administrativa, que exige apenas certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau) ou curso técnico equivalente, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Técnico Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Programação

O cargo de técnico especialidade Programação exige certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio (antigo segundo grau) ou curso técnico equivalente, além de curso(s) de programação de sistemas, com carga horária total de, no mínimo, 120 horas-aula, admitida a soma da carga horária de cursos para cumprimento dessa exigência, expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente, sendo também aceitas horas-aula das disciplinas de programação, banco de dados e engenharia de software, em curso técnico ou superior na área de Tecnologia da Informação, cursadas em instituição de ensino reconhecida pelo órgão competente.

Analista Judiciário – Área: Judiciária

Para concorrer neste cargo,, o candidato precisar ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Analista Judiciário – Área: Administrativa

Este, sem dúvida, é o cargo de maior concorrência do certame. Para sua participação, o candidato precisa ter diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.

Analista Judiciário – Área: Administrativa – Especialidade: Contabilidade

O cargo de apoio Contabilidade exige diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de nível superior em Ciências Contábeis, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC e registro no órgão de classe específico.

Prepare-se com os melhores cursos online do país. Material em vídeo e pfd atualizado e de acordo com o seu edital, acesse aqui e confira .

Das inscrições do concurso TRE-TO

As inscrições para o concurso TRE-TO começam já na próxima às 10 horas do dia 4 de setembro de 2017 e seguem abertas até 18 horas do dia 2 de outubro de 2017, considerando o horário oficial de Brasília/DF. O valor da taxa de inscrição é de R$ 95 para Analista Judiciário e R$ 75 para Técnico Judiciário. O boleto deverá ser pago até o dia 30 de outubro de 2017.

Da Remuneração do servidores do TRE-TO

De acordo com o edital, a remuneração do Analista Judiciário, Áreas Judiciária, Administrativa e demais especialidades de nível superior será de R$ 11.007, somado aos auxílios-alimentação e saúde, chegam a R$ 11.921, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.

Já a remuneração para o cargos de Técnico Judiciário é de R$ 6.709, somados aos mesmos benefícios dos cargos anteriores, ficando o valor inicial de R$ 7.893, podendo ainda ser acrescida de auxílio-natalidade de R$ 700, para candidatos que tenham filho.

Os valores são fixado em lei,  a Lei 13.317, sancionada em junho deste ano pelo governo, onde são reajustados tanto o salário-base quanto a gratificação de atividade judiciária (GAJ). No topo das carreiras chegará, em 2019, a R$ 11.398 e R$ 18.701, para técnicos e analistas , respectivamente.

Das provas do concurso TRE-TO

concurso TRE-TO

Sede do TRE-TO.

A responsabilidade do concurso será da banca Cebraspe-Cespe. Os candidatos serão  submetidos a provas objetivas e prova discursiva, ambas de caráter eliminatório e classificatório.

Diferentemente do método Cespe, em que uma errada anula uma certa, a prova do concurso TRE-TO será de múltipla escolha, com cinco opções (A, B, C, D e E), sendo uma única resposta correta, de acordo com o comando da questão.  As provas objetivas serão realizadas na data provável de 3 de dezembro de 2017, no turno da manhã para nível superior, e para os cargos de nível médio no turno da tarde.

Da lotação dos novos servidores

O documento divulgado no DOU faz saber que os candidatos aprovados e nomeados para o cargo 2: Analista Judiciário – Área Administrativa; para o cargo 3: Analista Judiciário – Área Administrativa – Especialidade: Contabilidade; e para o cargo 5: Técnico Judiciário – Área Apoio Especializado – Especialidade Programação de Sistemas serão lotados na Secretaria do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins.

Enquanto que os candidatos nomeados para o cargo 1: Analista Judiciário – Área Judiciária e para o cargo 4: Técnico Judiciário – Área Administrativa, segundo a ordem de classificação no concurso, serão lotados, a critério do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, em cartório eleitoral no interior do Estado do Tocantins, em que haja disponibilidade de vagas.

O edital do concurso TRE-TO com todo conteúdo programático pode ser obtido, clicando-se aqui. 

Jornalista Soraia Cantanhede

 

Receba por e-mail EM PRIMEIRA MÃO notícias, editais e inscrições para concursos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *