Concurso PGDF: órgão aumenta o Cadastro Reserva e anuncia data das nomeações

Uma boa noticia aos candidatos a uma vaga na Procuradoria Geral do DF (Concurso PGDF 2020). Em publicação feita no DODF desta quinta-feira, 06 de fevereiro, foi aumentado o número do cadastro reserva do certame e divulgado as datas do resultado final do concurso e o cronograma de noemação..

Veja abaixo as mudanças no edital PGDF 2020.

Concurso PGDF 2020

Conforme publicação do edital de retificação, haverá formação de cadastro de reserva na proporção de 10 (dez) vezes o número total das vagas previstas no quadro acima para cada cargo/especialidade.

Além disso, foi informado que o edital de resultado final no certame será publicado no Diário Oficial do Distrito Federal, e o respectivo edital será divulgado na internet, no endereço eletrônico http://www.cebraspe.org.br/concursos/pg_df_19, na data provável de 17 de agosto de 2020.

Cronograma de nomeação da PGDF

A nomeações relativas ao concurso de que trata este edital obedecerão ao seguinte cronograma, que poderá ser modificado, a qualquer tempo, para adaptar-se às condições econômicas e financeiras da Administração:

  • a) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no segundo semestre de 2020;
  • b) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no primeiro semestre de 2021;
  • c) no mínimo 25% das vagas previstas neste edital serão preenchidas no segundo semestre de 2021;
  • d) o restante das vagas previstas neste edital será preenchido no primeiro semestre de 2022.

Sobre o concurso PGDF 2020

Os candidatos a uma vaga no concurso da Procuradoria Geral do Distrito Federal devem ficar atentos, pois começa hoje o prazo de inscrição do Concurso PGDF 2020.

Será admitida a inscrição somente via internet, no endereço eletrônico http://www.cebraspe.org.br/concursos/pg_df_19, solicitada das 10 horas do dia 3 de fevereiro de 2020 às 18 horas do dia 20 de fevereiro de 2020 (horário oficial de Brasília/DF). O valor da taxa de inscrição está fixada da seguinte forma: nível superior: R$ 78,00; b) nível médio: R$ 54,00.

Edital PGDF 2020

O edital do concurso PGDF 2020 foi lançado no final de dezembro passado e contempla vagas para cargos de nível médio e superior. O concurso PGDF 2020 visa ao provimento dos cargos de Analista Jurídico e Técnico Jurídico da Carreira de Apoio às Atividades Jurídicas.

As oportunidades do Concurso PGDF 2020 são para cargos de nível superior e nível médio. Veja:

  • Cargo 1: Analista Jurídico – Especialidade: Administração
  • Cargo 2: Analista Jurídico – Especialidade: Analista de Sistema (Desenvolvimento de Sistema)
  • Cargo 3: Analista Jurídico – Especialidade: Analista de Sistema (Suporte e Infraestrutura)
  • Cargo 4: Analista Jurídico – Especialidade: Arquivologia
  • Cargo 5: Analista Jurídico – Especialidade: Biblioteconomia
  • Cargo 6: Analista Jurídico – Especialidade: Contabilidade
  • Cargo 7: Analista Jurídico – Especialidade: Direito e Legislação
  • Cargo 8: Analista Jurídico – Especialidade: Estatística
  • Cargo 9: Analista Jurídico – Especialidade: Farmácia
  • Cargo 10: Analista Jurídico -Especialidade: Jornalismo
  • Cargo 11: Analista Jurídico -Especialidade: Psicologia
  • Cargo 12: Técnico Jurídico-Especialidade: Apoio Administrativo
  • Cargo 13: Técnico Jurídico – Especialidade: Eletricidade e Comunicação
  • Cargo 14: Técnico Jurídico – Especialidade: Tecnologia e Informação

Quanto ganha um servidor na PGDF?

O salário para os cargos de Analista da PGDF é de R$ 7.320,00, além de benefícios da carreira. A JORNADA DE TRABALHO é de 40 horas semanais.

Já o salário dos cargos de Técnico da PGDF é de R$ 4.720,00, além de benefícios da carreira.

Salário na PGDF aumenta com titulação (formação superior, especialização, mestrado etc..)

Além da remuneração, os candidatos recebem gratificação por titulação, ou seja, caso o candidato tome posse no cargo de Técnico Jurídico (nível médio), mas possua pós graduação (especialização), o salário inicial passa de R$ 4.720,00 a R$ 6.372,00, sem contar benefícios como auxílio-alimentação e transporte. Sem dúvida, já é um bom começo para um cargo de nível médio.

Prepare-se: cursos para a PGDF atualizados

Como se inscrever no concurso da PG DF

Os candidatos interessados em concorrer a uma das vagas do edital PG DF devem ficar atentos ao prazo de inscrição. Será admitida a inscrição somente via internet, no endereço eletrônico http://www.cebraspe.org.br/concursos/pg_df_19, solicitada das 10 horas do dia 3 de fevereiro de 2020 às 18 horas do dia 20 de fevereiro de 2020 (horário oficial de Brasília/DF).

O valor da taxa de inscrição está fixada da seguinte forma: nível superior: R$ 78,00; b) nível médio: R$ 54,00.

Concurso PGDF 2020: o que estudar para as provas?

O edital PG DF informa que as provas do concurso público estão previstas para serem aplicadas na data de 22 de março.

As provas objetivas e a prova discursiva para os cargos de Analista Jurídico terão a duração de 4 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 22 de março de 2020, no turno da manhã.

As provas objetivas para os cargos de Técnico Jurídico terão a duração de 3 horas e 30 minutos e serão aplicadas na data provável de 22 de março de 2020, no turno da tarde.

Haverá a aplicação de provas apenas para os cargos de nível superior. A prova discursiva valerá 40,00 pontos e consistirá da redação de texto dissertativo, de até 30 linhas, a respeito de temas relacionados a conhecimentos específicos de cada especialidade.

As provas objetivas, de caráter eliminatório e classificatório, valerão 120,00 pontos e abrangerão os objetos de avaliação constantes no edital PGDF.

O julgamento de cada item será CERTO ou ERRADO, de acordo com o(s) comando(s) a que se refere o item. Haverá, na folha de respostas, para cada item, dois campos de marcação: o campo designado com o código C, que deverá ser preenchido pelo candidato caso julgue o item CERTO, e o campo designado com o código E, que deverá ser preenchido pelo candidato caso julgue o item ERRADO.

EDITAL PGDF EM PDF

Prepare-se: cursos para a PGDF atualizados

Cargos e Requisitos do Concurso PGDF

  • ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ADMINISTRAÇÃO REQUISITO

Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação de bacharelado em Administração, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), e registro no órgão de classe.

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, controlar, avaliar e executar atividades referentes a estudos, pesquisas, análises e projetos relativos à gestão de pessoas, orçamento e finanças, patrimônio, material, transporte e organização de métodos. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PG DF.

  • ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ANALISTA DE SISTEMA (DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA)

Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação na área de Ciências da Computação ou Tecnologia da Informação e Comunicação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC.
DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades relacionadas a projetos de administração, suporte técnico, manutenção e desenvolvimento de sistemas de tecnologia da informação e suas aplicações. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

– ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ANALISTA DE SISTEMA (SUPORTE E INFRAESTRUTURA)

Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação na área de Ciências da Computação ou Tecnologia da Informação e Comunicação, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, controlar, avaliar e executar atividades relacionadas ao provimento e à manutenção do funcionamento da estrutura tecnológica composta por serviços de rede, banco de dados, ambientes operacionais e segurança da informação e comunicação. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – S E P L A G / P G D F.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ARQUIVOLOGIA

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Arquivologia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro na Superintendência Regional do Trabalho (SRTE). DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades arquivísticas, estudos e pesquisas com enfoque histórico-administrativo sobre gerenciamento de informação e de gestão documental e sua aplicação. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: BIBLIOTECONOMIA

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Biblioteconomia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades específicas de biblioteconomia e documentação, envolvendo a elaboração e disseminação de informações de natureza jurídica e de outras áreas que sejam de interesse da Procuradoria-Geral. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: CONTABILIDADE

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Contabilidade, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades relacionadas à contabilidade em geral, com vistas à elaboração orçamentária e ao controle da situação financeira e patrimonial. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: DIREITO E LEGISLAÇÃO

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Direito, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades relacionadas à assistência aos procuradores no desempenho de suas atividades institucionais, tanto no âmbito contencioso como no consultivo. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ESTATÍSTICA

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Estatística, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, organizar, coordenar, supervisionar, controlar, avaliar e executar atividades de nível superior referentes a estudos, pesquisas e levantamentos estatísticos do órgão. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – S E P L A G / P G D F.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: FARMÁCIA

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Farmácia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: preparar informes e documentos sobre legislação e assistência farmacêutica para assessoramento às autoridades superiores, conforme Portaria Conjunta nº 13/ 2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: JORNALISMO

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro Superintendência Regional do Trabalho (SRTE). DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades que demandem conhecimentos especializados em Comunicação Social – Jornalismo, relativas à cobertura de eventos e reuniões quando a Procuradoria-Geral for parte. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

ANALISTA JURÍDICO – ESPECIALIDADE: PSICOLOGIA

REQUISITO: diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso de graduação em bacharelado ou licenciatura plena em Psicologia, fornecido por instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC, e registro no órgão de classe. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: planejar, coordenar, supervisionar, avaliar e executar atividades que demandem conhecimentos especializados em Psicologia Organizacional; atuar na área de gestão de pessoas. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – S E P L A G / P G D F.

TÉCNICO JURÍDICO – ESPECIALIDADE: APOIO ADMINISTRATIVO

REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades de apoio técnico administrativo nas diversas unidades do órgão; auxiliar nas atividades e serviços concernentes ao funcionamento de bibliotecas, arquivos e outros serviços de documentação e informação; executar atividades de nível médio relacionadas à execução de serviços auxiliares de cálculo. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

TÉCNICO JURÍDICO – ESPECIALIDADE: ELETRICIDADE E COMUNICAÇÃO

REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso técnico de ensino médio em eletricidade, telecomunicações ou eletrônica, expedido por instituição educacional reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades de nível médio relacionadas aos serviços elétricos, eletrônicos e de telecomunicações nos quadros internos. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF.

TÉCNICO JURÍDICO – ESPECIALIDADE: TECNOLOGIA E INFORMAÇÃO

REQUISITO: certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso de ensino médio expedido por instituição de ensino reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino, ou certificado, devidamente registrado, de conclusão de curso técnico de ensino médio na área de informática, expedido por instituição educacional reconhecida pelo órgão próprio do sistema de ensino. DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES: executar atividades de apoio técnico de informática; instalar e configurar softwares e hardwares. A descrição detalhada das atividades consta da Portaria Conjunta nº 13/2018 – SEPLAG/PGDF

Receba por e-mail EM PRIMEIRA MÃO notícias, editais e inscrições para concursos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.