Concurso Receita Federal: Expectativa cresce pela autorização

Concurso Receita Federal: Expectativa cresce pela autorização da nova seleção

Depois do registro feito no Portal do Protocolo Integrado, no mês de maio, cresce a expectativa pela autorização do Concurso Receita Federal em 2017. Foi incluído no último pedido do novo Concurso Receita Federal, um total de 2.083 vagas. A banca organizadora será a ESAF – Escola de Administração Fazendária.

De acordo com o Projeto de Lei Orçamentária (PLOA), o edital do Concurso Receita Federal, tem previsão de preencher 400 vagas nas funções de auditor fiscal (nível superior), Analista Tributário (nível superior) e Assistente Técnico-Administrativo (nível médio). Nos cargos de auditor e analista, é exigido formação superior em qualquer curso de graduação.

 

concurso receita federal

Protocolo Integrado do Governo Federal

Das Remunerações

As remunerações do novo Concurso Receita Federal são bastante convidativas para quem for tentar uma vaga. Para o cargo de auditor, a remuneração inicial é de nada menos que R$19.669.01. Analista Tributário, irá receber R$ 11.132.21. E por fim, o cargo de Assistente- Administrativo, terá a remuneração inicial de R$ 3.756.82.

Quadro de Pessoal

O pedido para a inclusão de 2.083 vagas para o novo Concurso Receita Federal, não foi à toa. Atualmente, o quadro da Receita tem 26.727 servidores, sendo 10.178 Auditores, 7.070 Analistas, 6.031 Assistentes Administrativos, 1.486 estagiários e 1.962 funcionários do serviço externo do SERPRO (Serviço Federal de Processamento de Dados). Segundo, a própria Receita Federal o maior déficit de servidores, inclui os cargos de auditor fiscal com 9.575 e analista tributário com 10.214, vagas em aberto respectivamente.

Último Concurso Receita Federal

O último Concurso Receita Federal aconteceu em 2012, objetivando a contratação de 750 candidatos para o cargo de Analista Tributário, cuja lotação aconteceu em diversas unidades da Receita Federal em todo o país. De acordo com a tabela de vencimentos da carreira, os salários mensais do cargo são de R$ 9.256,42, mais auxílio alimentação de R$ 458,00.

Segundo o Ministério da Fazenda, seriam necessários hoje 16.000 Analistas Tributários para suprir a demanda atual de trabalho, porém a Receita opera com apenas 7.900 profissionais do tipo, ou seja, ainda há a necessidade de selecionar pelo menos mais 9.000 servidores para o cargo. Em 2014, aconteceu uma seleção somente para o cargo de Auditor Fiscal, que ofereceu 278 vagas na função e exigiu que os candidatos possuíssem diploma de conclusão de nível superior em qualquer área. Atualmente o cargo oferece remunerações que chegam a R$ 15.743,64, mais auxílio alimentação de R$ 458,00.

Os candidatos dos dois concursos (2012-2014), foram selecionados através de várias etapas, sendo: Prova Objetiva de Conhecimentos Gerais, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório; Prova Objetiva de Conhecimentos Específicos I, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório; Prova Objetiva de Conhecimentos Específicos II, de caráter seletivo, eliminatório e classificatório; Prova Discursiva de caráter seletivo, eliminatório e classificatório; e Sindicância de Vida Pregressa de caráter unicamente eliminatório, seguindo regras da Secretaria da Receita Federal do Brasil.

Os conteúdos das provas objetivas do Concurso Receita Federal, foram sobre Língua Portuguesa, Espanhol e Inglês, Raciocínio Lógico Quantitativo, Administração Geral e Pública, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Tributário, Auditoria, Contabilidade Geral e Avançada, Legislação Tributária, Comércio Internacional e Legislação Aduaneira.

As provas do Concurso Receita Federal, foram aplicadas nas 26 capitais dos estados da Federação e no Distrito Federal. Os candidatos aprovados em ambos os concursos tiveram lotação e exercício nas Unidades Centrais da Secretaria da Receita Federal do Brasil, em Brasília-DF, e nas Unidades descentralizadas da Secretaria da Receita Federal do Brasil.

concurso receita federal

Prédio da Receita Federal

Sobre a Receita Federal

A Secretaria da Receita Federal do Brasil é um órgão específico, singular, subordinado ao Ministério da Fazenda, exercendo funções essenciais para que o Estado possa cumprir seus objetivos. É responsável pela administração dos tributos de competência da União, inclusive os previdenciários, e aqueles incidentes sobre o comércio exterior, abrangendo parte significativa das contribuições sociais do País.

Também subsidia o Poder Executivo Federal na formulação da política tributária brasileira, previne e combate à sonegação fiscal, o contrabando, o descaminho, a pirataria, a fraude comercial, o tráfico de drogas e de animais em extinção e outros atos ilícitos relacionados ao comércio internacional.

Receba por e-mail EM PRIMEIRA MÃO notícias, editais e inscrições para concursos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.