Concurso Senado Federal 2020: edital no primeiro semestre

Uma ótima notícia aos candidatos às carreiras legislativas. Em notícia oficial divulgada pelo Senado Federal, a comissão do concurso afirmou que, após a audiência com as nove bancas interessadas na realização do certame, vai trabalhar na elaboração do projeto básico do certame e prevê que o edital saia ainda no primeiro semestre. As informações são da Agência Senado.

A Comissão Examinadora vai se concentrar daqui por diante na elaboração do projeto-base do certame. A expectativa é que o edital do concurso seja divulgado ainda no primeiro semestre do ano que vem.

Os membros da comissão trabalham com a possibilidade de que o concurso do Senado atraia grande número de interessados, na casa dos 100 mil.

Na ocasião, foi anunciado ainda que devido a uma espera muito grande deste certame, as provas objetivas devem ocorrer em todas as capitais.

O presidente da Comissão Examinadora argumentou que a expectativa de grande procura praticamente elimina a possibilidade de que todo o concurso seja realizado apenas em Brasília.

Assim, a exemplo dos certames de 2008 e 2011, a possibilidade maior é de que a prova, ou pelo menos a primeira fase objetiva, seja disponibilizada em todas as capitais brasileiras.

Essas informações são as mais confiáveis possíveis, pois foram divulgadas pelo próprio Senado Federal.

Agora, candidato, é acelerar o passo rumo ao Senado Federal.

Leia abaixo mais detalhes sobre o concurso para o Senado Federal.

Concurso Senado Federal é autorizado

Cargos Autorizados – Concurso Senado 2020

Os cargos do concurso Senado 2020 são: Técnico Legislativo Nível II, na especialidade Policial Legislativo (24); Advogado Nível III (4); Analistas Legislativos Nível III nas especialidades de Administração (2), Arquivologia (1), Assistência Social (1), Contabilidade (1), Enfermagem (1), Informática Legislativa (1), Processo Legislativo (2), Registro e Redação Parlamentar (1), Engenharia do Trabalho (1) e Engenharia Eletrônica e Telecomunicações (1).

Cargos vagos Senado 2020

Conforme disposto no portal da Transparência do Senado Federal, há 1.444 cargos vagos, conforme dados referentes ao dia de hoje, 26 de novembro. Veja abaixo.

Prepare-se: CURSOS ONLINE PARA O CONCURSO SENADO FEDERAL

Sem dúvida, o concurso do Senado Federal 2020 é o mais aguardado dos últimos tempos. Este certame exige uma preparação bastante ágil e comprometida, tendo em vista a note de corte sempre ser elevada.

Remunerações do Senado Federal

Nível Médio

Técnico Legislativo: R$17.739,69 (inicial) – R$21.239,74 (final)

Policial LegislativoR$17.739,69 (inicial) – R$21.239,74 (final) + gratificações de atividade policial, atividade noturna, etc.

Nível Superior

Analista Legislativo: R$ 23.647,51 (inicial) – R$ 26.801,44 (final)

Consultor LegislativoR$ 30.554,19 (inicial) – R$ 32.063,07 (final)

Todas a estrutura remuneratória do Senado Federal para servidores, comissionados e parlamentares pode ser vista no Portal da Transparência do Senado aqui.

Veja aqui os cursos voltados ao concurso do Senado

Último Concurso Senado Federal

último Concurso Senado Federal teve seu edital divulgado em dezembro de 2011 e, com provas realizadas em 2012, e à época, o certame foi de responsabilidade da Fundação Getúlio Vargas- FGV, baixe aqui editais do concurso Senado 2012.

Aplicação das provas do Senado

Em suas duas últimas edições, o concurso do Senado teve provas em todas as capitais. O mesmo deve ocorrer em seu novo concurso com provas no início de 2020.

O que caiu no último concurso do Senado Federal?

Cargo Técnico Legislativo

Na prova do Senado, em 2012, os candidatos tiveram que responder 70 questões objetivas divididas  divididas da seguinte forma: Língua Portuguesa (20), Conhecimentos Gerais (10), Noções de Informática (10) e Conhecimentos Específicos (30), além uma discursiva e redação.

Cargo de Analista Legislativo

Já os candidatos aos cargos de Analista Legislativo foram submetidos a provas objetivas com 80 questões, além de redação, as provas foram assim definidas: Língua Portuguesa, Informática, Inglês e Conhecimentos Específico), sendo somada a prova prática para a especialidade de taquigrafia.

Cargo de Consultor Legislativo

O cargo de maior dificuldade do concurso, sem dúvida, é o de Consultor. Para este cargo, as provas tiveram três partes, a saber: provas objetiva de 80 questões, com Língua Portuguesa, Conhecimentos Gerais e Específicos, Administração e Políticas Públicas, Raciocínio Lógico e Inglês, prova discursiva e prova de análise de títulos.

Concorrência Concurso

Conforme registrou a FGV, o concurso Senado Federal de 2011 teve nada mais do que 157.939 mil candidatos inscritos, sendo que o edital trazia 246 vagas, ou seja, a concorrência foi de 642 candidato por vaga.

Nomeações Senado Federal

Mas a boa notícia é que o Senado Federal tem tradição de nomear muito além das vagas previstas em edital. De acordo com dados extraídos do Portal da Transparência da própria Casa, a tabela de nomeações teve sua última atualização em outubro de 2016.

Senado fez 613 nomeações do concurso de 2011, deste total, 19 nomeações foram tornadas sem efeito, que ocorre quando o candidato é nomeado, mas não toma posse; restando em nomeações efetivas um total de 594 candidatos aprovados e nomeados. 

Se você gostou dessa matéria sobre o Concurso do Senado, compartilhe em suas redes sociais. E lembre-se de assinar nosso canal no Youtube aqui. Todo dia têm aulas online, ao vivo e gratuitas para você.

Veja aqui os cursos voltados ao concurso do Senado

Receba por e-mail EM PRIMEIRA MÃO notícias, editais e inscrições para concursos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.